Procissão N.ª Sr.ª dos Prazeres – Lembrar um episódio de 1832

1692

Realizou-se no dia 14 de setembro a Procissão de N.ª Sr.ª dos Prazeres, da Capela de Santa Maria da Urmeira para o Nicho mandado construir pela Junta de Freguesia no Casal do Outeiro.

Em 1832 a imagem foi levada em Procissão da Quinta da Azenha Velha, onde lhe era prestado culto, oferecida pelo proprietário para ser venerada na Capela entretanto erigida no Outeiro da Paiã, onde é hoje a sede do CER Tenente Valdez, e que pelo menos em 1890 ainda se encontrava aberta ao culto.

A imagem pertence atualmente à Paróquia da Sagrada Família da Pontinha, desactivada que foi a Capela, e em 2005, com organização da Junta de Freguesia da Pontinha e da Câmara Municipal de Odivelas, foi feita a reconstituição histórica da Procissão da transferência inicial da imagem, sendo inaugurado em 2008 o atual Nicho, construído sob projeto do arquiteto Filipe Dinis pela Junta de Freguesia, que também mandou fazer a réplica da Santa para ali ficar patente à veneração dos crentes.

Todos os anos desde então se tem repetido a Procissão, com Missa Campal, concitando grande número de fiéis.

A Presidente da Junta, Corália Rodrigues, e a Vogal Albertina Pires compareceram neste ato que, para além do seu caráter religioso, faz também parte da identidade cultural e histórica da Freguesia

procissao11

procissao1   procissao4

procissao2